Mark responde fãs no Reddit

Autor Por Danilo Guarniero em 07/02/2012

Ontem, o Mark respondeu as perguntas de fãs no site Reddit. Leia abaixo um resumo com as perguntas e respostas mais interessantes.

hatsandhardcore: É mais difícil relacionar as letras adolescentes hoje, sendo um pai há dez anos já?

Mark: Não. Quando eu canto Dammit, uma música composta há mais de 15 anos, eu me lembro exatamente do dia em que a escrevi, o que eu estava passando e o que significa para mim.

loveshackbaby: E qual é a música mais difícil de cantar por causa da história ligada a ela?

Mark: Adam’s Song. Poderá ser retirada permantentemente do nosso setlist. É muito difícil.

kshackelford: Vocês ainda falam com o Scott?

Mark: Eu não falo com ele há muito, muito tempo.

ShootStation: A música Fighting the Gravity é sobre o seu cabelo?

Mark: Fighting the Gravity é sobre uma noite quando alguém colocou algo na minha bebida. Eu não fazia ideia do que estava acontecendo e pensei que estivesse morrendo. Eu mal podia me mexer. Entrei no carro da minha namorada e disse “por favor, apenas dirija”. No me gusta.

2minutes2midnight: Qual foi a coisa mais esquisita que aconteceu desde que o blink-182 voltou?

Mark: Acho que a coisa mais esquisita que aconteceu foi a aparência daquela nova touca do Tom. Ele chama aquilo de touca de chef gótico. Vocês sabem qual é.

nobluntstrick: Quantas músicas não-lançadas o blink-182 tem? Vocês planejam lançá-las?

Mark: Não consigo pensar em nenhuma. Normalmente nós lançamos todas que terminamos de gravar e abandonamos as que não estão dando certo no meio do caminho. Há muitas ideias e demos pela metade que nós podemos voltar a trabalhar. Tinha uma música no Neighborhoods chamada Not For Real que eu estava trabalhando, mas mexi tanto que acabei estragando. Eu gostaria de revê-la para o próximo álbum.

punkrockdanny: Como você se sentiu na época com o Box Car Racer?

Mark: Esquisito, traído, invejoso. Provavelmente mais do que eu deveria.

Flanq: Ainda sobre isso, se você se sentiu assim sobre o projeto, então por que aceitou cantar em Elevator?

Mark: Toda aquela situação era um saco. Mas eu cantei naquela faixa porque, acima de tudo, Tom e Travis são meus amigos. Tenho certeza que o Tom sentiu a tensão e me chamou como uma oferenda. Mas eu fiquei feliz por ter gravado e por ele ter me chamado.

cdurth: Qual foi o vídeo mais divertido de gravar com o blink-182?

Mark: O mais divertido foi, sem dúvidas, First Date. Verão, parque aquático, van, amigos. Ainda me faz rir. Aliás, quero que nosso próximo clipe seja assim. Precisamos de outro clipe bobo, certo?

nicktuckerrr: Qual foi a primeira música que vocês escreveram e pensaram “soa muito bem; poderíamos aproveitar isso”?

Mark: Carousel. Escrevemos essa no dia que conheci o Tom. Eu mostrei pra ele uma linha de baixo que eu estava trabalhando e encaixava perfeitamente com uma parte de guitarra que ele estava trabalhando. Nós nos conhecíamos há menos de uma hora e a música já estava quase formada. Foi estranho.

Claussm: O +44 tem algum plano de gravar um novo álbum?

Mark: Não no momento, mas eu adoraria. Foi um álbum tão divertido de gravar, trabalhar com o Travis, Shane e Craig. Tenho um lugar especial no meu coração para esse álbum. Significa algo pra mim e me leva para algum lugar toda vez que eu o ouço. Às vezes eu sinto que Baby, Come On é a melhor música que eu poderia escrever.

bcr1299: O que você acha do novo estilo de cantar do Tom? Você acha que afeta o modo como vocês compõem as partes no blink-182?

Mark: Não afeta a maneira que eu escrevo uma música. Afeta quem canta cada parte nas músicas. Minha voz se encaixa em determinados ânimos e timbres, assim como a do Tom. Ferramentas diferentes para diferentes trabalhos, eu acho.