Rolling Stone entrevista Mark Hoppus.

Autor Por Danilo Guarniero em 21/07/2009

O Mark foi entrevistado pelo site da Rolling Stone, contou alguns detalhes sobre a turnê do Blink-182 e disse que a produção é absurda. Confira a tradução da matéria abaixo:

29237367-29237372-slarge

Em 23 de julho o Blink-182 dará início à uma massiva turnê em grande estilo, tocando juntos em um palco de Las Vegas depois de 5 anos. Semana passada, a Rolling tirou Mark Hoppus do ensaio pré-turnê – o primeiro na história do trio – e ele nos contou que eles estão trabalhando com o designer Martin Phillips, que já trabalhou com Kanye West e Nine Inch Nails, e é responsável pelo legendário set de pirâmide do Daft Punk.

“Não podemos mais esperar,” disse Hoppus. “É estranho pensar que, depois de 5 anos sem fazer uma turnê com o Blink, daqui a alguns dias nós cairemos na Estrada e tocaremos todos esses shows que foram esgotados. É a produção do Martin é absurda. Todos nossos técnicos ficaram lá para ver a montagem do palco e estão mandando e-mails como, ‘Oh meu Deus, há tantos falantes, tantas luzes.’ Eu ainda não vi, mas as fotos que eu vi são absurdas. Tudo meio que se move, encaixa e se separa para fazer essas telas de vídeo gigantes, então é bem complicado.”

Hoppus disse que o Blink-182 trabalhou duro na turnê, dando tempo para fazer a viagem juntos de uma “maneira dinâmica.” Fãs podem esperar um set list de toda a carreira da banda, e ele prometeu que o Blink irá “tocar o melhor que nós podemos… e provavelmente terminar com um monte de erros e rindo de nós mesmos. Será divertido.

“Acho que agora as pessoas querem ir aos shows e verem o Blink que elas se lembram ou o Blink que eles nunca viram,” Hoppus acrescenta. “Então, é meio que uma reintrodução para a banda. Nós vamos tocar todos os singles e todas as nossas músicas favoritas dos nossos álbuns passados.”

Enquanto era improvável que a banda poderia se reunir depois da separação, Hoppus disse que a vibe da banda nesses dias é “muito positiva e muito animada.” Blink-182 vem trabalhando em novo material desde dezembro, e terão um estúdio de gravação móvel com eles nessa turnê para continuarem trabalhando no que será seu próximo álbum.

“Nós temos muitas idéias em vários estágios de finalização,” ele disse. “Nós vamos lançar o album depois da turnê. Tudo que nós escrevemos parece como um próximo passo do nosso ultimo álbum. Eu acho que a banda sempre terá essa essência do Blink, mas nós estamos trabalhando novas idéias e tentando deixar tudo moderno e divertido. A resposta para a reunião tem sido tão simples. É tão louco ver que qualquer banda tem a chance de fazer sucesso, primeiramente, e voltar depois de 5 anos e ter essa segunda chance. É a coisa mais incrível do mundo.”

Fãs que não poderão assistir a banda ao vivo neste verão, têm um recurso também – em um pacote de Doritos Late Night. “Nós fomos em um estudio há uns meses atrás e filmamos a performance em frente de um fundo verde, e tinham todas aquelas câmeras em diferentes posições e usando diferentes ângulos. Eles puderam colocar tudo junto nessa apresentação 3D de ‘realidade aumentada’,” Hoppus disse. Nos pacotes marcados especialmente há um símbolo que, quando apontado para uma webcam, irá produzir um show virtual do Blink-182.

“Eu vi isso em ação, e é demais,” Hoppus explicou. “Parece que o show sai da tela do computador, e dependendo da posição do pacote, você pode movimentá-lo mais perto ou mais longe. Se você chacoalhar o pacote, a parede atrás de nós desmorona. É bem irado. As pessoas que desenvolveram isso são muito mais inteligentes que eu, com certeza.”