Resumo do chat ao vivo com Mark Hoppus

Autor Por brunobld em 26/09/2011

Confira um mega resumo que o usuário Pedro H Fávero fez sobre o chat que Mark Hoppus fez hoje a tarde com os fãs:

– Tom está indo pra casa visitar a familia em San Diego e Travis deve estar trabalhando ou em algum lugar fazendo uma tatuagem.

– Hoje MH 4.18.2011 é a musica favorita do Mark no Neighborhoods, ele curte muito a parte ‘stop living in the shadow of a hellacopter’ e acha que a música tem muita energia…

– Nesta turnêe, vão tocar do novo album: Heart’s All Gone, Up All Night, After Midnight e Ghost on the Dancefloor.

– Mark disse que cancelaram a turne européia pra focar no album, se não tivessem adiado, músicas como After Midnight, MH, Natives e Wishing Well nunca teriam sido gravadas.

– A data na música MH 4.18.2011 é o dia em que ele escreveu essa música, ele explica que no processo de gravação eles nomeam as músicas temporariamente  e esse era o nome temporário da música e que ficou como definitivo. Observação: MH = Mark Hoppus, ja que ele mesmo escreveu.

– Ele disse que o blink-182 atual está muito mais alegre e eles estão muito felizes com essa fase e com a turnê…

– Mark disse que na turnê eles misturam sempre os singles, as músicas que eles mais curtem e as novas… já que eles tem 1:30 para tocar.

– Mark disse acredita que canta SIM bastante no álbum, que simplesmente saiu desse jeito.

– Ele não lembra o que ele sussurra na música violence, disse que deve estar escrito em alguma folha por ai, mas ele não lembra…

– Sobre a mudança na voz do Tom: ‘Uhm… eu não sei, acho que ele não percebe necessariamente que ele está mudando o jeito que ele canta… eu acho que ele está explorando outro lado da voz dele, cantando mais pra dentro (nao sei bem se é isso), antes ele cantava de um jeito mais gritado e sujo, mas eu acho que agora ele está incorporando um outro jeito de cantar… você tem que perguntar pra ele.’

– Hearts All Gone Interlude tem vários efeitos, guitarras e baixos de trás pra frente, ressonância… ele disse que estava andando com uma dispositivo que fica marcando o tempo e ele quebrou e começou a fazer um som estranho, esse som foi usado no começo da música, mais tarde no vídeo ele se corrige e diz que na verdade eles usaram isso em Fighting the Gravity…

– Ele mesmo escreveu Heart’s All Gone.

– Mark disse que nesse cd ele gravou muito mais linhas de guitarra do que em outros CDs, antes ele gravava só algumas partes, mas ele fez a guitarra inteira de várias músicas nesse novo álbum…

– After Midnight provavelmente será o próximo single, eles estão conversando sobre, mas é bem provável…

– Tom e Mark cantam a bridge de Snake Charmer, são varias gravações sobrepostas das vozes dele…

– Mark foi quem escolheu a transição entre Ghost on the Dancefloor e Natives, ele disse que é muito importante pra ele que as musicas tenham uma conexão no final de uma pro começo de outra…

– Sobre a musica Kaleidoscope: Mark disse que acordou um dia numa manhã e tinha as duas primeiras linhas da música, ele trabalhou em cima delas pra fazer o resto da música. É sobre as pessoa passando dos 19 para os 20 anos, pessoas que estão tentando encontrar seu caminho no mundo, procurando oportunidade de bons empregos…

– O coelho do blink surgiu há muito tempo e foi desenhado por Scott, ele desenhou um círculo escrito blink nele e colocou o coelho em cima, desde então associam blink ao coelho.

– Ele diz que gosta de todas as músicas por todas razões,  não cansou de tocar nenhuma ao vivo… mesmo Carousel que tocam há 20 anos e foi a primeira música escrita por Tom é divertida de tocar, até mesmo All The Small Things, que é uma música mais simples continua sendo divertida de tocar porque ele lembra onde estava quando escreveu, o que significa pra eles.

– Ele ainda usa o baixo verde para gravações, e usou ele em todas músicas.

– Ele pensa em fazer um show em tributo ao álbum Take Off Your Pants and Jacket, como o Jimmy Eat World fez com Clarity, talvez mais pra frente…

– Um clipe novo está para sair dentro de alguns dias, não é oficial, mas é do segundo single…

– Eles vão adicionar mais músicas na set list da tour quando o álbum for lançado…

– “Há 6 setas agora no logo porque blink está entrando em uma nova fase”

– “Não, nunca estive no Brasil, eu amaria ir ao Brasil, de alguma forma temos muitos fãs lá e na América do Sul em geral, nunca toquei lá mas gostaria muito de ir em breve…”

– Ele já tentou ensinar seu filho a tocar, mas ele parece não curtir muito… “se ele escolher isso tudo bem, ensinarei tudo a ele mas ele pode fazer o que ele quiser”.

 – “Sim, haverá outro álbum depois de Neighborhoods, não sei quando, mas terá!”

– “Não fomos convidados pro novo American Pie, você pode acreditar? Depois de tantos anos…”

– Sobre a toca do Tom: “não sei porque ele usa esse toca, o mundo inteiro diz que ele fica melhor sem ela, ele não acredita, ele ama sua toca, você tem que deixar ele fazer o que quiser”.

– Mark disse que sentiu muita falta de Jerry Finn na produção desse álbum, eles pensaram em chamar outro produtor, mas decidiram produzir eles mesmos. Ele acha que ele estava lá em espírito.

– O começo de Carousel é provavelmente um dos mais difíceis de tocar ao vivo.

– Ele disse que irá falar pro Tom voltar a tocar com a Stratocoaster, que tem que falar e que já fala.

– Ele disse que a versão deluxe do álbum é na verdade o álbum, e que foi muito difícil escolher quais musicas não colocar na versão comum.

– Fighting the Gravity foi uma das musicas mais legais de se gravar, por ser bem diferente…

– Talvez toquem Shut up ao vivo…

– Sobre o álbum ter vazado: ele disse que sempre temem que o álbum vai vazar, mas que ficou muito feliz que as pessoas se importam em ouvir um cd novo do blink-182 depois de 8 anos e que é muito importante que tenham gostado tanto dele… E que o vazamento foi positivo para a banda.

– Blink-182 irá tocar em casas de show pequenas, ele ama isso.

– Ele não se assiste no youtube.

– Eles não tentaram fazer Neighborhoods mais pesado e obscuro, mas acabou saindo assim, principalmente pelas letras e não tanto pelo instrumental… Isso se justifica por tudo que passaram e tem passado nos últimos anos…

– Eles provavelmente irão fazer algo com a banda Naked and Famous no futuro, curtem muita ela, e Tom já trocou emails com ela…

– Beatle favorito: Paul Macartney.

– Ele não fuma maconha.

– Não há nenhuma outra música que não entrou nesse álbum, só uma que ele fez para seu filho chamada ‘Not for Real’, está quase terminada, mas não entrou no álbum, talvez entre no próximo…

Valeu @HenriquePedro!