Emocionado, Travis Barker conta como seus filhos o inspiraram depois do acidente de avião

Autor Por Danilo Guarniero em 20/10/2015

travis barker

No dia 20 de outubro de 2015 saiu o livro autobiográfico de Travis Barker. Aqui no Brasil, foi lançado um pouco depois, porém já inteiramente em português. Você já pode adquirir a sua cópia do livro de Travis Barker aqui.

Can I Say é um livro de memórias onde Barker expôs sua vida da forma mais sincera possível, tocando em assuntos muito complicados e que ele evitava falar na mídia, como o abuso de drogas, o acidente de avião e pensamentos suicidas.

Para promover esse lançamento, Travis Barker deu uma série de entrevistas e falando abertamente sobre seu acidente e outros assuntos que ele não comentava. Para o site da revista People, ele contou, em uma entrevista onde ele está claramente emocionado e segurando o choro, que seus filhos Landon e Alabama foram sua maior inspiração para se recuperar após o acidente.

Confira o vídeo e a tradução do que ele fala abaixo:


ABC Breaking News | Latest News Videos

“O avião está pegando fogo, minha mão está pegando fogo. Eu tiro meu cinto de segurança e pulei direto onde estava o combustível. Eu praticamente botei fogo no meu corpo todo,” Travis Barker conta sobre seu acidente de avião sofrido em 19 de setembro de 2008, do qual só escaparam com vida o baterista e seu amigo DJ-AM (dois amigos deles e os pilotos não conseguiram escapar).

“Eu estava ensopado de combustível e não havia nada que eu pudesse fazer para apagar o fogo. Então nós saímos do avião e ele explodiu,” detalha Barker. “Daí eu fiquei pelos próximos quatro meses em clínicas especializadas em queimaduras

Travis Barker teve 65% do seu corpo queimado e descreve a sensação como “o inferno”. Após 27 cirurgias, o baterista chegou a querer se matar e estava até oferecendo dinheiro para que alguém o ajudasse com isso.

“Eu ligava pra amigos e dizia, ‘eu deposito um milhão de dólares na conta bancária de qualquer pessoa’,” revelou. “Eles tiveram que tirar o telefone do meu quarto.”

Mas seus filhos o visitavam e isso fez com que ele lutasse contra toda a dor física e psicológica por eles, porque era muito difícil para eles verem seu pai naquele estado. Nesse momento, ele se emociona ao tocar no assunto e segura o choro.

“Eles tinham trabalhos na escola de desenhar e pintar. Todo mundo desenhava suas famílias, as coisas que fizeram no fim de semana, e o Landon desenhou um avião se chocando.” Após uma pausa lutando contra as lágrimas, ele conclui com a voz embarcada: “era com certeza algo que ele já era crescido o suficiente para entender.”

Atualmente, Barker foca toda sua existência em cuidar de seus filhos e tocar bateria (inclusive, está gravando o novo disco do blink-182 com Mark Hoppus e Matt Skiba que já tem 5 músicas prontas).

Ele finaliza a entrevista dizendo “eu falo para as crianças que quando eles estiverem prontos para voar, eu estarei pronto para voar.”

No livro, Barker conta que sua filha Alabama teve uma premonição sobre o acidente e disse que o teto iria desabar. Momentos antes de sair com o voo, o próprio Travis falou com seu pai no telefone e disse que também não estava com uma boa sensação a respeito daquele voo.