Tom Delonge diz estar feliz com a volta do Blink

Autor Por Danilo Guarniero em 26/04/2010

O Tom conversou com o Chicago Tribune e falou um pouco sobre a volta do blink-182, confira a tradução do artigo:

Em setembro de 2005, Tom Delonge, conhecido como o vocalista/guitarrista de piercing no lábio do Blink-182, anunciava que sua nova banda, Angels & Airwaves, estava “preparando a maior revolução do rock’n’roll dessa geração.” Ele disse que seria “o melhor álbum que alguém já ouviu em 20 anos.”

Na noite de sábado, o roqueiro de 34 anos explicou seus comentários infames, horas antes de um show show do AVA no Aragon Ballroom.

“Eu estava usando Vicodin,” DeLonge disse rindo. “Muito Vicodin.”

DeLonge, uma das poucas celebridades que são mais altas pessoalmente, tirou sarro de si mesmo por causa de suas previsões ousadas e admitiu, “Quando você está viciado em medicamentos você diz coisas estúpidas.” Ele já se recuperou de seu vício em analgésicos e não disse nada muito incomum durante nossa conversa de 20 minutos.

DeLonge insistiu que começou a moderar as coisas de forma significante desde os primeiros dias com o blink. O cara do clipe “What’s My Age Again?” de antes, agora é marido e pai de duas crianças. Ele é o empresário que está por trás do Modlife.com, e está produzindo um filme, “Love”, que ele espera finalizar neste verão.

Mas é claro que o projeto que os fãs mais aguardam é o próximo álbum do Blink, que parecia que nunca mais seria possível, até que aconteceu a reunião no ano passado, depois do “hiato indefinido” que havia sido anunciado em fevereiro de 2005.

“Minha maior falha foi o término do Blink,” DeLonge disse. “Foi uma falha com amizades, negócios e comunicações. Em nossos corações, pensávamos que seria o fim para sempre. O que é engraçado é que na época eu vi isso como um triunfo. Mas o fato de eu ter feito uma decisão tão prejudicial a mim mesmo e à minha identidade e começar novamente foi algo vitorioso.”

O trio começou a se falar novamente depois que o baterista Travis Barker sobreviveu a um acidente de avião que matou quatro passageiros em 2008. As conversas permitiram uma reunião e uma turnê nacional no verão passado.

“Se aquele acidente não tivesse acontecido, nós não voltaríamos a ser uma banda,” DeLonge disse. “Simples e natural. Foi o destino.”

A banda reunida ficou brevemente no estúdio antes da turnê no verão passado e vão finalizar o trabalho no álbum em junho.

thanks to Blink-182Media.com!